25 set

É só vislumbrar de relance que já sinto os olhos marejarem.
Não adianta, tem dor que não passa, só se esconde.

A ferida está aberta e pulsa nervosamente: será que um dia vou superar o fracasso?

 

13 de setembro de 2011.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: